22nd nov

2013

Correção de Cicatrizes (Hipertrofia Cicatricial, Quelóide)

Esse procedimento poderá ser realizado com anestesia local no centro cirúrgico da clínica Medeor, dependendo da escolha e do perfil do paciente. Vale ressaltar que o centro cirúrgico da clínica Medeor está habilitado e regido pelas normas da ANVISA.

A cicatriz surge com o processo natural de cura de ferimentos na pele, chamado cicatrização. A ferida pode ser decorrente de um acidente, doença ou cirurgia. Quanto maior for o tamanho e a duração da ferida, maior será a cicatriz.

A pele do jovem, comparada com a pele do idoso, tende a determinar cicatrizes mais evidentes, ou seja, maiores e mais espessas. Tipicamente, a cicatriz torna-se menos notável com o passar do tempo. Muitas cicatrizes inicialmente inestéticas tornam-se aceitáveis após 6 meses ou mais. O aspecto da cicatriz dependerá da sua localização, cor, textura, comprimento, largura e profundidade.

Alguns locais do corpo, caracteristicamente, apresentam forte tendência em formar cicatrizes mais evidentes. Nas áreas de constante movimento uma cicatriz inicialmente bem conduzida pode se tornar larga, como ocorre no ombro, braços, pernas e costas.

O que pode ser feito: diversas técnicas podem melhorar uma cicatriz. A maioria delas pode ser feita no consultório do cirurgião plástico com anestesia local. O tratamento cirúrgico pode mudar a dimensão, direção e textura da cicatriz.

Contudo, nenhuma cicatriz pode ser completamente eliminada e não existe uma técnica mágica para devolver o aspecto normal da pele. O uso de cosméticos pode camuflar a cicatriz. A maquiagem melhora a aparência e é encorajada enquanto o tratamento é seguido. Dependendo do tipo de cicatriz, o tratamento pode ser feito em várias fases, com diferentes técnicas. Após uma cirurgia, o tratamento com cremes apropriados e placas de silicone pode acelerar a maturação das cicatrizes e evitar o aparecimento de cicatrizes hipertróficas e/ou quelóides.

Remoção Cirúrgica: a remoção cirúrgica está geralmente indicada para cicatriz larga ou ampla. Esta técnica permite a formação de uma cicatriz mais estreita e curta, e conseqüentemente menos evidente.

Às vezes, apenas a mudança na direção da cicatriz permite uma camuflagem esteticamente aceitável. A fim de obter melhores resultados, a ferida cirúrgica é costurada por planos internos e externos. Aqui vale lembrar que nenhuma técnica cirúrgica consegue alterar predisposição genética.

Share This :

No comments so far!

Leave a Comment

Your email address will not be published.
Sitio web optimizado por: Posicionamiento en Google
Plugin Modo Mantenimiento patrocinado por: Plugin WordPress Maintenance